VINAGRE CEBOLAS
Home > Informação > Mais 32,3% de passageiros com passe na Área Metropolitana de Lisboa

23-02-2020

Mais 32,3% de passageiros com passe na Área Metropolitana de Lisboa

Barco Transtejo


O número de utentes detentores do passe Navegante na Área Metropolitana de Lisboa aumentou 32,3% nos últimos nove meses de 2019, com a introdução do novo sistema tarifário dos transportes públicos, em comparação com igual período do ano anterior.


Os números foram avançados na cerimónia de apresentação do concurso internacional para a aquisição do serviço público de transporte rodoviário de passageiros na Área Metropolitana de Lisboa (AML).

Segundo o primeiro-secretário metropolitano, Carlos Humberto, verificou-se nos últimos anos uma revolução nos transportes da AML, desde a bilhética à mobilidade, uma mudança de paradigma, que melhorou as oportunidades de mobilidade de emprego, de formação e de lazer.

O mais visível para os rendimentos das famílias passou pela criação de um novo sistema tarifário, com o passe Navegante municipal (30 euros), Navegante Metropolitano (40 euros), Navegante +65 (20 euros), Navegante 12 (sem custo), Navegante Família Municipal (60 euros) e Navegante Família Metropolitano (80 euros).

De acordo com Carlos Humberto, mais de 900 mil pessoas ficaram abrangidas pelo sistema Navegante o que corresponde a cerca de um terço da população da área metropolitana.

De acordo com o responsável, a comparação entre estes períodos permitiu perceber que o número total de passageiros cresceu 18,1% e o número de passageiros com passe aumentou 32,3%.

No setor ferroviário, o crescimento foi de 31,9%, no rodoviário 17,2%, no metro 12,8% e no modo fluvial 7,2%, especificou.

De acordo com o responsável, a utilização dos transportes fora das hora de ponta e ao fim de semana também cresceu, "em grande medida por via do Navegante + 65" (para seniores).

RELACIONADAS


Envie-nos uma mensagem